segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Ontem, no ano passado

4 de Outubro de 2014
(Serra da Estrela)

Há um ano atrás.
Bem vistas as coisas, ando sempre a coleccionar horizontes. E, bem vistas as coisas, ando nisto há muito tempo. Dantes, quando não tinha bike, fazia as colecções a pé. Na memória ficaram padrões complexos desse tempo, em que interagem emoções, imagens, sons ... de um modo dinâmico.


Nas Pedras Lavradas, cruzamento Loriga-Unhais da Serra-Vide. Aqui sopra sempre o vento.


Por ali, às voltas, a fazer a colecção








A banda sonora pode ser esta: Deer hunter
Bem vistas as coisas, o Deer hunter é um filme de horizontes e de memórias.

4 comentários:

  1. Ontem andei na Arrábida. Ia morrendo, mas não morri. Conheces Setúbal? Para o BTT tem trilhos do caneco pá!

    ResponderEliminar
  2. Então e fotos das pedaladas? Posta lá umas fotografias.

    Conheço mal a Arrábida, shame on me. Passei por lá duas ou três vezes de carro, a caminho do Sul (costa Alentejana a Sul do Cabo Sardão, local onde para além das serranias tenho pedalado muito).
    Se ias morrendo e não morreste estás no bom caminho (uma espécie de petite mort :)). Um dias destes estás uma craque.

    Ah, de Setúbal tenho uma recordação muito viva de uns chocos na frigideira comidos lá numa tasca.

    ResponderEliminar
  3. Pois é. De uma maneira ou de outra andamos todos a fazer colecções para guardar na memória ;)

    ResponderEliminar